Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Vem aí a loucura

Mercado de transferências

Francisco Chaveiro Reis
04
Mai23

A época acaba em poucas semanas e a loucura do mercado de transferências, quase imunes aos desafios económicos mundiais, está a começar. Messi, mesmo em fim de carreira, promete ser uma figura central, já que deixará o PSG e a lista de candidatos a recebe-lo será longa, de Barcelona à Arábia Saudita. O PSG, cheio de estrelas, mas sem grandes resultados, poderá ver outras estrelas suas no mercado. Neymar, muito ligado a Messi e sempre envolto em polémicas, seria uma grande adição para a Premier League, em especial para um clube a precisar de heróis como o Manchester United ou para um clube em franca ascensão como o Newcastle. Ainda no PSG, nunca se sabe quando pode acontecer o casamento de Mbappé com o Real Madrid.

E em Madrid, já se sabe, nunca falta ação. O nome do momento é Jude Bellingham, na linha de sucessão a Modric e Kroos mas já se sabe que são os avançados que causam furor em Madrid e os nomes de Mbappé e Haaland virão à baila. Em Barcelona, a palavra de ordem é contenção, com a integração de homens a custo zero como Inigo Martinez, Gündogan, Firmino ou Aubameyang. O possível regresso de Messi, estragaria o sossego financeiro, mas não seria rejeitada, levando a saídas de homens como Raphinha ou Ferran.

Voltando a Paris, caso saiam duas ou três estrelas do plantel, é natural que sejam rendidas mesmo que o projeto atual pareça assentar mais em jogadores mais “normais”. Skriniar, excelente central do Inter, deve ser reforço a custo zero e é possível que cheguem outros com perfil mais discreto do que o normal, mas, saindo Messi, Neymar e Mbappé chegará, de certeza, uma grande estrela, pelo menos e não há assim tantas. Salah?

Inglaterra, como sempre, deve ser o país mais gastador, já que até os clubes mais pequeno, gastam largos milhões. O City deve preocupar-se mais em manter Haaland e todas as suas estrelas do que fazer uma grande operação, mas não é de crer que não vão ao mercado. Certo é que o United, na mesma cidade, vai mexer muito, deixando sair vários jogadores caros sem rendimento e contratando substitutos. Também o Newcastle, em fase ascendente, deve gastar uns bons milhões para o regresso à Champions League. Nomes do mercado português como Pedro Gonçalves, Manuel Ugarte, Gonçalo Inácio ou Gonçalo Ramos estão na linha da frente para se juntar a um dos melhores clubes ingleses.  Caso clubes históricos como Leicester, Leeds ou Southampton desçam de divisão é de crer que nomes como Maddison, Tielemans, Harrison ou Ward-Prowse protagonizem boas transferências.

Na Alemanha, o Bayern, após uma má época, que ainda assim deve acabar com a conquista da Bundesliga, deve finalmente avançar para a contratação de um avançado, sendo Kolo Muani o favorito. Uma coisa é certa, pouco falta para os milhões começarem a rolar.