Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

A Nike no Sporting

Novos equipamentos

07
Jul21

Propaganda de Moda Capa para Facebook (2) (19).png

O Sporting vai vestir Nike a partir desta época. Os equipamentos de treino, simples e sem a presença do swoosh no peito (só está representado nas mangas) não maravilham, mas também não chocam. A crítica mais comum, que não posso deixar de acompanhar, é que parecem equipamentos template, aos quais foram acrescentados o símbolo do Sporting, um pouco como acontece com o Marítimo e como já aconteceu com o Vitória. O equipamento principal também já é conhecido e é tudo menos consensual. Além da mudança de marca desportiva, a mudança de patrocinador (de NOS para Betano), ajudará a causar estranheza. O equipamento é maioritariamente branco (nas mangas e costas) e as listas verdes têm em si finas listas brancas numa pequena derivação do design tradicional. Em conjunto com os calções e as meias (listadas, mas sem referência ao clube, apenas à marca), fica melhor, mas estará longe de ser um dos melhores equipamentos do Sporting. As expetativas com a Nike, que tem feito obras primas para clubes como como PSG, Leipzig ou Inter, eram, provavelmente demasiado altas.

Só será possível avaliar o trabalho da Nike, conhecendo toda a gama que ainda inclui pelo menos duas camisolas de guarda-redes; uma Stromp e uma secundária (preta, como os equipamentos de treino?). Uma terceira camisola, talvez para a Champions League, não é hipótese a excluir. Resta saber quando veremos as camisolas. Tradicionalmente, a gama era apresentada em conjunto, no dia do aniversário do clube. Haverá atrasos na produção ou estará o clube à espera de momentos-chave como a apresentação de reforços, inauguração da Megastore da Nike no Estádio ou mesmo do Troféu Cinco Violinos? Em termos de palpites, penso que a secundária será preta, com símbolo do clube a swoosh na mesa cor, possivelmente dourado, como este modelo do Barcelona. Acredito que o Stromp, não fugirá muito do que foi feito, já esta época para o Maccabi Haifa (uma versão semelhante à preta feita para o mesmo clube também seria uma hipótese). Na baliza, será de esperar um design a negro e outro mais garrido, algo que tem vindo a ser transversal às várias fornecedoras de material desportivo. A incógnita maior será mesmo a quarta camisa. Será branca? Mais uma vez me socorro do Maccabi ou será nesta que a Nike ganhará o coração dos sportinguistas? Um template fora do comum como os dos equipamentos secundários do Leipzig, seria muito bem-vindo.

Um dia saberemos. Para já, o grande triunfo da nova época é a nova fonte do Sporting mas já se sabe que será pouco usada, já que a liga tem a sua própria.

Novos equipamentos da seleção

01
Set20

 

image004.jpg

A Seleção Nacional é homenageada em 2020 com uma coleção condizente com o seu estatuto de campeã da Europa. O tradicional equipamento principal vermelho e verde ganha agora novos detalhes em dourado para criar um visual digno da conquista europeia em 2016.

A gola dobrável dá à nova camisola do equipamento principal um toque refinado, assim como as listas vermelhas, verdes e pretas na gola e nas mangas. O dourado é também presença de destaque em alguns detalhes como é o caso da numeração das camisolas, do emblema e da letra ‘P’, impressa no interior.

Os calções verdes estão de regresso pela primeira vez desde 2004 – o ano em que o capitão da seleção nacional, Cristiano Ronaldo, fez a sua estreia nas finais europeias – enquanto as meias vermelhas têm uma lista a combinar com o acabamento da camisola.

Já o equipamento alternativo está agora no centro das atenções e destaca-se de todas as coleções anteriores. Ao azul turquesa utilizado no equipamento alternativo de 2016, juntam-se as riscas horizontais vermelhas, verdes e pretas da camisola de treino de 2018, com calções e meias no mesmo esquema de cores.

A mais baixa das três listas flui por toda a parte de trás do equipamento, enquanto o rebordo preto das mangas e as listas laterais enquadram o design na perfeição. Os calções e meias de cor azul turquesa completam o look, com as meias exibindo também elas uma faixa colorida.

Cristiano Ronaldo e Jéssica Silva revelaram os novos equipamentos da Seleção Nacional com a colaboração de alguns jovens futebolistas. Os internacionais portugueses juntaram-se aos treinadores de futebol de rua Aurio ‘Puma’ Castro e Gonçalo Santos, bem como à compositora e interprete Cintia Nicole e a um elenco de jovens jogadores para exibir as novas camisolas e celebrar o amor de Portugal pelo futebol.

 “Tanto o equipamento principal, como o alternativo e a camisola de aquecimento, estão fantásticos,” diz Ronaldo. “Há algum tempo que não tinhamos calções verdes e é bom vê-los de volta mais uma vez. O equipamento alternativo, em particular, é muito bonito e tem imenso estilo.”

Outro dos destaques desta coleção é a camisola de aquecimento, apresentada em preto e vermelho com um relevo do brasão da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) impresso em toda a sua área.

”O equipamento principal é digno de uma equipa de campeões, enquanto o alternativo demonstra talento, confiança e estilo – atributos que abundam nesta equipa” afirma Scott Munson, VP, Nike Football Apparel.

Nuno Moura, Diretor de Marketing da Federação Portuguesa de Futebol revelou que os jogadores da seleção nacional “estão apaixonados pela nova coleção de Portugal. Esta parceria de mais de 20 anos com a Nike teve vários momentos históricos - Portugal foi a primeira equipa da Nike a conquistar o título europeu e também a Liga das Nações - esperamos que estes novos equipamentos deslumbrantes nos tragam mais vitórias e conquistas sem precedentes."

A coleção da equipa portuguesa foi fabricada a partir de poliéster 100% reciclado, proveniente de garrafas de plástico também elas recicladas, o que permitiu criar equipamentos que garantem o máximo desempenho com um menor impacto no ambiente.

Desde 2010, a Nike tem vindo a utilizar poliester reciclado para produzir equipamentos de futebol. Até agora já foram retiradas de aterros mais de 7,5 mil milhões de garradas de plástico.

O equipamento principal e alternativo da Seleção portuguesa estão disponíveis em nike.com e em PortugalStore.fpf.pt a partir de dia 1 de setembro e a coleção completa a partir de 4 de setembro em todas as lojas Nike.

As novas botas de Cristiano Ronaldo

18
Set18

 

HO18_GFB_CR7_CH7_ProdHero_1_native_1600.jpg

Em 2015, a Nike lançou o primeiro dos sete "Capítulos CR7" para contar a história de Cristiano Ronaldo. Agora, termina essa história e traz a narrativa de Cristiano para o presente com o lançamento do sétimo e último capítulo, disponível no dia 20 de setembro em Nike.com. "As botas refletem o que eu sou. A Nike colocou parte da minha história nestas botas." - Cristiano Ronaldo. O grafismo do ante pé é uma homenagem ao número sete de Cristiano onde, após um olhar mais aproximado, o número aparece repetidamente. A bota inclui também a assinatura de Cristiano Ronaldo e acena às suas memoráveis botas de fibra de carbono do passado. Com a série "Chapter" a chegar ao fim, a designer gráfica Jessica Tresser olha para toda a coleção (e avança como vão ser as futuras botas CR7). Tresser trabalhou em todos os capítulos e reconheceu qual o seu favorito neste vídeo.