Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Visão do Peão

Sporting quase B vence Guimarães quase A

30.12.14, Francisco Chaveiro Reis

1024.gif

 

O Sporting, em versão suplentes e equipa B, venceu o Vitória de Guimarães por 0-2, em jogo da Taça da Liga. Marco Silva, apostou em: Boeck, Esgaio, Tobias, Sarr e Geraldes; Rosell, Slavchev e Gauld; Heldon, Podence e Tanaka.

 

O jogo começou a resolver-se aos 5 minutos quando o extremo cabo-verdiano fez o 1-0 após boa jogada de Podence e Esgaio. Tobias, imperial na defesa, foi o que mais aproveitou a oportunidade. Podence e Wallyson mostraram que merecem ser seguidos de perto. Dramé, que fez grande golo , merece oportunidade.

 

Geraldes cumpriu na esquerda mas não tira o lugar a Jefferson ou Jonathan. Sarr não é melhor do que Tobias mas, com este ao lado, fez exibição aceitável, pesem embora alguns cortes pouco ortodoxos. Rosell tem bons pés mas é muito lento e Slavchev nada fez numa hora de jogo. Gauld, esse, mostrou pormenores de qualidade mas também mostrou que precisa de mais tempo. Para isso, já tinhamos Chaby. Tanaka esforçou-se mas pouco fez, descaindo sempre para a ala, mostrou que não é alternativa para o centro e, para as alas não se consegue bater com Nani, Carrillo ou Mané. Do banco, vieram Sakho, Dramé e Wallyson. O reforço foi o que menos deu nas vistas.

 

Ou seja, o Sporting tem na equipa B soluções de futuro e algumas de presente. Tobias não fará pior do que Maurício e, com a falta de dinheiro, arrisca-se a fazer dupla com Oliveira. Já os reforços mostram cada vez mais que não o são. Foram vários milhões deitados fora. Geraldes não é melhor do que Esgaio, Cédric ou Lopes. Sarr não é melhor do que Tobias. Slavchev não faz sombra a Wallyson. Gauld não faz melhor do que Chaby. Sakho não tem nada que Podence não tenha. Para quê tanto milhão gasto assim?

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.