Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Paulo César

Cromos esquecidos da nossa caderneta

Francisco Chaveiro Reis
21
Out23

Visão do Peão.pngHoje com 43 anos, Paulo César foi um avançado brasileiro que passou por Gil Vicente, Vitória SC, Rio Ave, União de Leiria e Sporting de Braga. Depois de jogar por Vila Nova e Grêmio Anápolis, chegou a Barcelos em 2000, aos 21 anos. A sua época de estreia seria a melhor em Portugal, fazendo 9 golos pelo Gil. Não admirou a mudança para Guimarães onde em dois anos fez 17 jogos e não marcou. Renasceu em Vila do Conde. No primeiro ano, 4 golos em 29 jogos pelo Rio Ave. Na segunda, mais 5 golos em 22 jogos. Seguiram-se três anos com a camisa 9 do Leiria. Começou por marcar 7 golos e no segundo ano, mais 4 golos. No terceiro ano, mais 5 golos. A sua última paragem foi a mais longa (5 anos) e a mais bem-sucedida.

Chegou a Braga em 2008 para ser treinado por Jorge Jesus e lutar com Alan, Renteria, Orlando Sá ou Linz por um lugar. Conseguiu marcar 7 vezes em 31 aparições e vencer a Taça Intertoto. No segundo ano, mais 5 golos e presença na Liga Europa. Ao terceiro ano, mais 6 golos. Em 2011-2012, apenas um golo e no ano seguinte, jogou apenas 8 vezes, mas venceu a Taça de Portugal. Aos 33 anos regressou ao Brasil onde representou Santa Cruz, Icasa, Aimoré e Maranhão. Retirou-se aos 36 anos e deixou a sua marca na liga portuguesa.