Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Visão do Peão

Visão do Peão

Jamor negado

Sporting eliminado

Francisco Chaveiro Reis
22
Abr22

Visão de Peão.png

Se era difícil ao Sporting vencer no Porto e virar a eliminatória, mais difícil se tornou quando Slimani nem no banco se sentou. A relação do argelino e do treinador estará tensa e Amorim, no fim do jogo, voltou a dar uma bicada ao 9. Sem ele em campo, o Sporting perdeu por 0-1 e não vai ao Jamor. Ninguém sabe como seria com o argelino em campo, mas Paulinho, que tem os seus méritos, voltou a passar ao lado do jogo, não criando uma ocasião de perigo.

O Sporting terminará a época com a conquista da Supertaça e da Taça da Liga. Tendo em conta os últimos quarenta anos, grande parte deles a seco, não é mau, mas, tendo em conta as expetativas que Amorim trouxe com a sua qualidade, é mau. Numa semana, perdeu-se o campeonato (que era difícil) e a Taça (que era difícil) mas pior, parece ter-se perdido a equipa. O Sporting dos últimos dois jogos pareceu entrar derrotado e sem garra, mesmo que a exibição de domingo tenha sido bem mais interessante do que a de ontem.

Teria sido mais fácil perder ontem com Nuno Santos, Sarabia, Edwards e Pote a bombear bolas para Slimani e Coates, tentando até à última. Não aconteceu. É hora de vencer dois jogos e garantir o segundo lugar para preparar a época que aí vem. De preferência com Amorim e sem dúvida, com reforços, em especial na defesa e no ataque onde Toni Martinez, suplente do Porto, parece ter mais instinto de baliza do que todo o ataque leonino.

1 comentário

Comentar post