Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Visão do Peão

Eslovénia em Portugal

22.01.20, Francisco Chaveiro Reis

1827692_w2.jpg

Sporar deve ser hoje apresentado pelo Sporting. O esloveno, ponta-de-lança, vem da Eslováquia com ambição de se tornar no farol goleador dos leões. Mas como estamos de eslovenos na liga portuguesa? Para já, Sporar será o único, esta época, mas historicamente é difícil não pensar outro que não, Zahovic. Mas não é caso único.

Zlatko Zahovic, nascido em Maribor, chegou a Portugal em 1993 para brilhar pelo Vitória de Guimarães. Três anos volvidos, juntou-se ao FCP de Jardel e Drulovic. Andaria por Olympiacos e Valência antes de regressar a Portugal para três épocas de Benfica. Em Portugal, somou 9 anos, 227 jogos e 56 golos marcados. Ganhou quatro campeonatos, duas taças e duas supertaças.

Pelo FCP, mais ou menos nos tempos de Zahovic, jogou o médio Pavlin. Passou dois anos por cá, com um registo menos interessante: 22 golos, 1 golo e uma Taça de Portugal. Melhor esteve Oblak. O guarda-redes chegou para o Benfica, mas andou emprestado. Olhanense, Beira-Mar, União de Leiria e Rio Ave foram a sua casa até assentar na Luz. Em 2013-2014 passou a ser titular e logo renderia uma fortuna. Ainda está no Atlético e é visto como um dos melhores do mundo. Por cá, fez 78 jogos.

Que outros eslovenos jogaram em Portugal?

2 comentários

Comentar post