Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Craques da bola, 18

Francisco Chaveiro Reis
24
Out19

vassell.png

 

Paul Scholes, hoje com 44 anos, nunca fez outra coisa na carreira do que jogar pelo Manchester United. Foram 718 jogos, 155 golos e 27 títulos, na carreira desta lenda da Premier League.

 

Parte da “Classe de 92”, tal como Beckham, Gary e Phil Neville, Butt, Giggs ou Beckham, Scholes estreou-se em 1994 pela equipa principal do United. Aos 20 anos, marcou sete golos na época de estreia, bisando na estreia na Taça da Liga e marcando na primeira jornada do campeonato. Schmeichel, Bruce, Pallister, Irwin, Cantona ou Dublin eram alguns dos seus companheiros.

 

Só na época seguinte, venceu o primeiro título da Premier League. Venceria igualmente os de 1997, 1999, 2000, 2001, 2003, 2007, 2008, 2009, 2011 e 2013. A par da conquista do melhor campeonato do mundo, estarão as duas Ligas dos Campeões. A primeira, em 1999, foi épica. No Camp Nou, a perder por 1-0, aos 90 minutos, Sheringham e Solskjaer marcaram e o United venceu a Champions, sem sequer ter que ir ao prolongamento. Em 2008, já com Ronaldo, a vitória não foi mais tranquila. 1-1 com o Chelsea, em Moscovo e vitória nas grandes penalidades.

 

Conhecido pelo seu pontapé bombástico (marcou dezenas de golos de fora da área), Scholes atuou num mítico meio-campo com Keane como 6, ele como 8 e Beckham e Giggs nas alas. Para além da sua capacidade goleadora, distinguiu-se como um box-to-box, com presença física, mas com toque de bola refinado. Foi treinado toda a carreira por Sir Alex, retirando-se em 2013 (ameaçou em 2011 mas acabaria por voltar após uma pausa de meia época, a pedido de Ferguson) com o seu mentor.

 

Por Inglaterra, numa altura em que havia Lampard, Gerrard ou Hargreaves, jogou 66 vezes, participando nos Mundiais de 1998 e 2002 e nos Euros de 2000 e 2004. Após a eliminação no Europeu de Portugal, deixou a seleção, sem títulos, mas com 14 golos marcados. Scholes, terceiro jogador com mais partidas pelo United e décimo melhor marcador da história do clube, é uma lenda do futebol mundial.