Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

25 para a Turquia e Itália

Santos não inventa

Francisco Chaveiro Reis
17
Mar22

Visão de Peão (7).png

Como seria de esperar, Fernando Santos pouco inovou na chamada para a dupla (espera-se) jornada de acesso ao Mundial 2022. Para a baliza, foram convocados Patrício (Roma), Lopes (Lyon) e Costa (Porto). Para as alas, não podendo jogar Cancelo (City) no primeiro jogo, foi convocado a pensar no segundo, mas também foram chamados Dalot (United) e Cédric (Arsenal). Para a esquerda, Guerreiro (Dortmund) e Mendes (PSG). No centro, com Ruben lesionado, Inácio (Sporting) foi chamado. Pepe (Porto), Fonte (Lille) e Danilo são as outras opções.

Para o meio, Palhinha não foi chamado, depois de algumas semanas de fora, tal como Sanches. Neves e Moutinho (Wolverhampton), William (Bétis), Fernandes (United), Nunes (Sporting) e Otávio (Porto) são as opções para o meio-campo. Vitinha (Porto) acaba por ser o jogador que se esperava que fosse chamado e não o foi.

Para o ataque foram chamadas as opções mais óbvias e naturais: Ronaldo (United), Bernardo (City), Jota (Liverpool), Silva (Leipzig) e Félix (Atlético). A estes juntam-se Leão (Milan) em grande forma na liga italiana e Guedes (Valência) também em boa forma. Sendo um setor fértil em opções, é aquele em que há mais desilusões, desde logo a de Horta (Braga), que já leva 19 golos e 8 assistências esta época. Beto (Udinese), Paulinho (Sporting) ou Podence (Wolverhampton) também seriam boas opções.