Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Hossam Hassan

Heróis de Culto

Francisco Chaveiro Reis
06
Mar23

Antes de Mido e principalmente de Salah, a grande figura do futebol egípcio era Hossam Hassan, antigo avançado, hoje com 56 anos. Começou a dar nas vistas no Al-Ahly onde passou grande parte da carreira. Nos primeiros cinco anos, 41 golos e a conquista de quatro campeonatos, duas taças, uma liga dos campeões da CAF e três supertaças de África. Os seus números e exibições impressionaram e a Europa era o passo lógico. Pelos gregos do PAOK, marcou apenas 6 vezes e seguiu para a Suíça onde fez 7 golos pelo Neuchatel Xamax. Em 1992 estava de volta ao Al-Ahly para mais 194 jogos e 96 golos. Ajudou a conquistar mais sete campeonatos, duas taças, uma supertaça africana, uma liga dos campeões árabes e três supertaças árabes.

Seguiu-se breve passagem pelo Al-Ain, dos EAU antes de se juntar ao Zamalek para mais golos e títulos. Os seus 57 golos ajudaram o clube a vencer três campeonatos, uma taça, duas supertaças, uma liga dos campeões da CAF, uma supertaça da CAF e uma liga dos campeões árabes. Continuou no seu país jogando por Al Marsy, Tersana e Ittihad Alexandria. Reformou-se aos 41 anos.

Pelo Egito, ainda mais glórias. Fez 176 e marcou 70 vezes. Esteve nas CAN de 1986, 1988, 1990, 1992, 1998, 2000, 2002 e 2006, vencendo a prova por três vezes. Em 1986, venceu a prova no Egito, ainda como figura secundária. Doze anos depois, voltou a vencer, desta vez como titular, figura central e melhor marcador da prova em igualdade com McCarthy. Na final, vitórias nas grandes penalidades, contra a África do Sul. Em 2006, voltou a vencer, marcando um golo na prova. Esteve ainda no Mundial de 1990 e na Taça das Confederações de 1999.

7-0

Liverpool humilha United

Francisco Chaveiro Reis
06
Mar23

Foi o resultado mais relevante deste fim-de-semana. O Liverpool, que nem está a fazer uma grande época, antes pelo contrário, esmagou o Manchester United, em crescendo, até aqui, por 7-0. Gakpo, Darwin e Salah bisaram e Firmino fechou a contagem de um jogo que escandalizou o mundo. Ainda assim, o Liverpool continua a sete pontos do United, ocupando o quinto lugar.