Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Waddle

Heróis de Culto

Francisco Chaveiro Reis
12
Fev23

Visão do Peão (13).pngDono de um penteado emblemático, o inglês Chris Waddle marcou uma geração, marcando golos por grandes clubes ingleses e pelo Marselha. Hoje com 62 anos, o médio ofensivo/extremo inglês começou a carreira no Newcastle, onde esteve entre 1980 e 1985. Aos 20 anos, fez apenas 17 jogos, marcando 3 vezes, tendo-se imposto depois nas quatro épocas seguintes. Em 1984, chegou finalmente à primeira divisão, fazendo 16 golos em 42 partidas, ao lado de Beardsley e de um jovem Gasgoine. Saiu para Tottenham, 195 jogos e 55 golos depois.

Passou os quatro anos seguintes a jogar em Londres. Na estreia, com Hoddle e Ardiles, fez 14 golos. Na segunda, fez 11 golos, chegou à final da FA Cup e ficou em terceiro no campeonato. Na terceira época, ficou-se pelos 3 golos e em 1988-1989 voltou à boa forma, com 14 golos e com a companhia de Gasgoine. Era hora de rumar a França, para três anos em Marselha. No primeiro ano, fez 14 golos, num trio atacante com Papin e Francescoli, foi campeão e chegou às meias-finais da Liga dos Campeões, sendo eliminado pelo Benfica. No segundo, fez 8 golos, voltou a ser campeão e foi às finais, perdidas, da Liga dos Campeões (para o Estrela Vermelha de Savicevic e Prosinecki) e da Taça de França (para o Mónaco de Weah e Rui Barros). No último ano, 7 golos e novo campeonato francês. Eram os dias de Amoros, Angloma, Mozer, Di Meco, Pelé ou Deschamps.

Aos 32, com os melhores anos atrás de si, regressou a Inglaterra para mais de 150 jogos e 16 golos pelo Sheffield Wednesday. No primeiro ano, chegou às finais da Taça e da Taça da Liga, perdendo-as para o Arsenal de Wright e Merson. Jogou ainda por Falkirk, Bradford, Sunderland, Burnley, Torquay United e Worksop Town, acabando a carreira depois dos 40 anos.

Por Inglaterra, fez 6 golos em 62 partidas tendo estado nos Mundiais de 1986 e 1990 e no Euro 1988.