Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Situação anedótica

Saída de Lewandowski

Francisco Chaveiro Reis
31
Mai22

Visão de Peão.png

A relação entre o Bayern e Lewandowski está a tornar-se anedótica. O Bayern ter-se-á distraído a olhar para Haaland e não deu atenção à renovação com o polaco. Assim, Lewa, começou a ter o desejo de experimentar outra liga, agora que corre para o fim da carreira com a o Barcelona, a precisar de novos heróis a entrar na corrida. Lewandowski já veio a público dar conta de que quer mesmo sair e o Bayern, mesmo desagradado, já busca substituto, falando-se hoje em Lukaku. Entretanto, o selecionador polaco veio hoje recomendar ao seu capitão que fosse antes para o Liverpool, uma vez que o treinador nacional é adepto do clube…

Certa parece ser a separação, bem mais feia do que a relação duradoura e profícua merecia. Quer-me parecer que ambas as partes vão sentir muitas saudades mesmo que acredite que Lewandowski vá marcar muitos golos onde quer que seja e que o Bayern saberá, como sempre, render aqueles que saem.

Nuno Mendes vendido

Em definitivo

Francisco Chaveiro Reis
31
Mai22

Visão de Peão (4).png

Nuno Mendes é jogador do PSG até 2026. Após uma época de empréstimo, pela qual o Sporting recebeu 7 milhões de euros, é agora hora de receber os restantes 38, acordados. O Sporting anunciou, ainda, o pagamento de quase 4 milhões em serviços de intermediação.

Charisteas

Heróis de Culto

Francisco Chaveiro Reis
30
Mai22

 

Para desgosto do povo português e euforia do grego, Charisteas marcou o único golo da final do Euro 2004. Mas, é herói de culto também pelo percurso feito em clubes como Aris, Ajax, Bremen ou Leverkussen. Angelos Charisteas, hoje com 42 anos, começou a carreira no Aris, de Salónica, estreando-se aos 18 anos. Fez 2 golos em 10 jogos e foi campeão…da segunda divisão.

Faria 14 jogos antes de ser emprestado ao Athinaikos. Regressaria e em três épocas, marcaria 17 vezes. Seguiu-se a Bundesliga. Aterrou em Bremen em 2002 e marcou 15 golos na época de estreia ao lado de Ailton, Klasnic, Valdez, Micoud ou Manuel Friedrich. Na época seguinte, marcaria apenas 7 vezes, mas seria campeão alemão (mais 6 pontos do que o Bayern) e venceria a taça alemã (3-2 ao Alemannia Aachen na final de Berlim). Ficaria mais meio ano, fazendo mais 6 golos. Seguiu-se a Holanda. Pelo Ajax, fez 15 golos em ano e maio. Venceu uma taça e uma supertaça e conheceu Huntelaar, Babel, Pienaar, Sneijder ou Maduro. Passou depois um ano e 11 golos no rival Feyennord mas regressaria à Bundesliga.

No Nuremberga, conseguiu estrear-se com 11 golos numa equipa que tinha Koller, Galasek ou Pinola. Ainda marcou 1 golo em 16 jogos na segunda divisão, mas seria recrutado pelo Leverkusen onde dobrou o número de golos. Regressaria a Nuremberga, de novo na Bundesliga, mas para apenas 1 golo numa época inteira. Passou em branco pelos franceses do Arles e regressou, pela última vez, à liga alemã. Só marcou um golo, mas fez parte do plantel do Shalke que venceu a taça alemã, tal como Raul, Jurado, Draxler, Farfán ou o compatriota Papadopoulos.

Passou, ainda, uma época no Panetolikos (4 golos) e outra nos sauditas do Al Nassr (1 golo).

Mas seria pela Grécia, no Estádio da Luz que teria o seu momento glorioso ao marcar o golo da vitória da Grécia no Euro. Pela sua seleção marcou 25 vezes em 88 partidas, incluindo 3 golos nesse verão em Portugal e ainda 1 no Euro 2008. Ainda esteve no Mundial 2010 e na Taça das Confederações de 2005.

Saint Étienne desce

Campeão dez vezes

Francisco Chaveiro Reis
30
Mai22

Visão de Peão (1).png

O histórico Saint Étienne vai jogar na segunda divisão francesa na próxima época. Depois de perder o playoff com o Auxerre, o relvado foi invadido por uns dos adeptos mais fervorosos de França, descontentes com a péssima época, mas a realidade é que um dos clubes mais titulados do país, desceu. O clube tem dez campeonatos franceses no seu palmarés, tantos como o PSG, sendo, com os parisienses a equipa mais bem-sucedida na prova. Resta aos verdes, repetir os feitos de 1963, 1999 e 2004 e vencer a segunda divisão.

Pág. 1/16