Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Ukra assina pelo CSKA Sofia

Francisco Chaveiro Reis
15
Fev18

transferir.jpg

O extremo português Ukra, formado no FCP e com passagens por Varzim, Olhanense, Braga e Rio Ave é reforço dos búlgaros do CSKA Sofia. O jogador de 29 anos estava sem clube após passagem pelos sauditas do Al Fateh. 

A dança

Francisco Chaveiro Reis
15
Fev18

imgS620I214955T20180214134242.jpg

Petit é o novo treinador do Moreirense, substituindo Sérgio Vieira. Petir faz parte de um pequeno grupo de treinadores que vão rodando pela primeira liga. Antes treinara Boavista, Tondela, Paços e o próprio Moreirense. José Mota, hoje ao leme do Aves, já passou por Setúbal, Belenenses e Paços. Lito Vidigal, que Mota substituiu, já tinha experiência no Arouca, Belenenses ou União de Leiria. Domingos, despedido do Belenenses, tem passado na União de Leiria, Académica, Braga, Sporting, Setúbal e Belenenses. Jorge Simão, hoje no Boavista, passou por Braga, Chaves ou Belenenses. Pedro Martins, antes de Guimarães, passou por Rio Ave e Marítimo. 

A caminho da final

Francisco Chaveiro Reis
15
Fev18

480.jpg

O Sporting joga logo em Astana, em desafio a contar para a Liga Europa. Numa altura em que estarão 20 graus negativos na rua, o estádio estará fechado e terá o ar condicionado ligado no quente. O relvado, esse, será sintético (diz-se que potencia as lesões) o que faz com que Jesus poupe Mathieu e, acredito, Coentrão. O Astana, sem grandes estrelas (nem pequenas, na verdade) será um adversário perfeitamente ultrapassável, assim haja garra e pontaria. Jesus deve manter Doumbia na frente, na esperança que a garrafa de ketchup, finalmenete, escorra alguma coisa. É certo que o campeonato nacional é essencial para que os sportinguistas voltem a ser felizes mas apostar numa boa campanha europeia é também muito importante. Tantos milhões depois, o Sporting tem obrigação de não se queixar de ter dois jogos por semana e se o Sporting quer voltar a ser grande, tem, obrigatoriamente de dar nas vistas na Europa. Jesus já lançou o mote

Real na Champions não conhece a crise. Porto goleado em casa.

Francisco Chaveiro Reis
15
Fev18

Champions-League-Round-of-16-First-Leg-FC-Porto-vs

Continuaram ontem a jogar-se os oitavos da Liga dos Campeões. Em Madrid, o Real voltou a mostrar que na Liga dos Campeões, as crises ficam de fora. 3-1 ao novo-rico PSG onde Neymar, em casting, não se conseguiu destacar. O herói foi mesmo o melhor do mundo ao marcar dois. Rabiot ainda adiantou o Paris mas para além de Ronaldo, Marcelo construiu um resultado difícil de virar. Humilhante o jogo do Dragão, com o FCP a sofrer 5 golos sem resposta. O poderio ofensivo do Liverpool não se alterou com a saída de Coutinho e Mané (3), Salah e Firmino aproveitaram-se de uma defesa fraca, com José Sá a ficar mal na fotografia.