Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

Visão do Peão

Nomes para 2017-2018

11
Mai17

marcos-rocha-atletico-mg-independiente-del-valle-c

Marcos Rocha

28 anos

Lateral-direito

Internacional brasileiro

Atlético Mineiro

Valor de mercado: 6 milhões

Mais-valia de grande qualidade para a lateral. 

Antunes.jpg

Vitorino Antunes

30 anos

Lateral-esquerdo

Internacional português

Dinamo de Kiev

Valor de mercado: 4,5 milhões

Bom jogador com grande capacidade ofensiva

1440418859_extras_noticia_foton_7_1.jpg

Jefferson Lerma

22 anos

Médio defensivo

Internacional colombiano

Levante

Valor de mercado: 1,2 milhões

6 de grande qualidade

guido-pizarro-1012015_6hm16ef77i4n12ocfbotwaidu.jp

Guido Pizarro

28 anos

Médio centro

Internacional argentino

Tigres

Valor de mercado: 4 milhões

8 de elite 

img_770x433$2017_03_24_13_13_42_1241760.jpg

Nani

31 anos

Extremo

Internacional português

Valência

Valor de mercado: 15 milhões

Descontente no clube

transferir.jpg

Welhon

24 anos

Ponta de lança

Brasileiro

Paços de Ferreira

Valor de mercado: 1,5 milhões

Um dos goleadores da nossa liga.

 

Valores de mercado retirados do Transfermarkt. 

 

 

Real Madrid na 15.ª final da Champions, que já venceu 11 vezes

11
Mai17

1908204_w2.jpg

O Real Madrid foi surpreendido, viu-se a perder 2-0 aos 17 minutos na casa do Atlético, mas acabou por perder apenas por 2-1 e seguir para a final da Champions Leagues, em Cardiff, País de Gales. O Real, gigante do futebol mundial vai jogar a sua 15 (!!!!!) final da prova e pode vencer pela 12.ª vez, depois de ter vencido no ano passado, a 11.ª. O jogo contra a Juventus será a redição da final de 1998, na qual Mijatovic fez o 1-0 e único golo do jogo. No fim do jogo, na ArenA de Amesterdão, o Real Madrid festejaria a sua sétima conquista. Na ficha de jogo só constava um português - Dimas - que não saiu do banco da Juve. Quem jogou 90 minutos foi o camisola 21 da Juventus, Zidane, hoje treinador do Real Madrid. Meses depois, seria o herói do Mundial, venceria o título e marcaria dois golos ao Brasil, tornando-se no melhor jogador do mundo. 

zidane-juventus-real-madrid.png

A 20 de maio de 1998, o Real jogou com Illgner, Panucci, Sanchis, Hierro e Robertos Carlos; Redondo, Karembeu e Seedorf; Raul, Morientes e Mijatovic. Amavisca, Jaime e Suker ainda saltaram do banco, Canizares, Sanz, Sávio e Victor Sanchez, não. Pela Juve jogaram Peruzzi, Torricelli, Monteri, Iuliano e Pessotto; Di Livio, Deschamps, Davids e Zidane; Del Piero e Inzagui. Tachinardi, Conte e Fonseca também entraram em campo. Rampulla, Dimas, Birindelli e Amoroso não tiveram essa sorte. A 3 de junho teremos, ou não, vingança.