Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

CAN: Quartos

29.01.15, Francisco Chaveiro Reis

2015-01-28T190350Z_1217836170_GM1EB1T08G601_RTRMAD

Congo - Rep. Democrática do Congo

Tunísia - Guiné Equatorial

Gana - Guiné Conacri

Costa do Marfim - Argélia

Maazou na China

29.01.15, Francisco Chaveiro Reis

 

 

Moussa Maazou, avançado do Níger, deixa o Marítimo e ruma à liga chinesa. Maazou, autor de 9 golos na liga, deixa o futebol português mais pobre mas, convenhamos, irá ter um salário muito superior e, desportivamente, pouco mais avançará mesmo sendo um jogador interessante.

1-1

29.01.15, Francisco Chaveiro Reis

transferir.gif

 

O Sporting empatou a uma bola com o Setúbal e está quase fora da Taça da Liga. Não que seja grande perda mas o jogo de ontem foi fraquíssimo. Silva apostou em Marcelo (uma boa defesa); Lopes (bom jogo, até tentou o golo); Rabia (falhou à frente e atrás); Sarr (tentou o golo mas falhou a trás) e Geraldes (correu e pouco mais, faltou-lhe o pé esquerdo); Rosell (lentíssimo); Wallyson (melhor em campo) e Martins (um bom livre é muito pouco); Podence (inconsequente); Tanaka (uma mão-cheia de remates desastrados) e Esgaio (dois remates perigosos mas o nazereno rende mais a defesa). Jogaram, ainda, Rubio (nada fez); Gelson (bons pormenores que não deram em nada) e Sacko (trapalhão). Viu-s emuito pouca qualidade em Alvalade. Não existe uma segunda linha.

Nani mais um ano

28.01.15, Francisco Chaveiro Reis

nani-sporting-lisbon-supporters-champions-league-0

Nani é um jogador fantástico que, quando chegou, criou uma onda de entusiasmo e levou a equipa às costas. A sua influencia tem caído mas continua a ser importante e creio que será essencial nos jogos "grandes" e na Liga Europa. Posto isto, penso que a sua continuidade não pode ser equacionada. O United querará vende-lo e o Sporting não o poderá comprar. Se, como se diz hoje n´A Bola, o United o emprestar, penso que o destino deve ser outro. Nani tem ainda muito para dar ao futebol e deve faze-lo numa liga mais competitiva (seria ideal para ajudar a renascer o Milan, para o novo Valência, para o Dortmund ou para o PSG). Nani no Sporting poderia acomodar-se à fama e estabilidade de jogar numa liga menor onde é adorado e o seu rendimento poderia cair. O Sporting, mesmo negociando teria que fazer um grande esforço financeiro e o jogador ficaria sempre a pensar que poderia estar noutro escalão. Veremos.

Sporting arruma a casa

28.01.15, Francisco Chaveiro Reis

lazio_conferenza_mauricio_11_49013_immagine_obig.j

 

Saídas

Maurício - Emprestado à Lázio com opção obrigatória de compra

Esgaio e Cissé - Emprestados à Académica

Fokobo e Iuri - Emprestados ao Arouca

Chaby - Emprestado ao União da Madeira

Mama Baldé - Emprestado ao Benfica Castelo Branco

Enoh - Emprestado ao Leixões

 

Próximos passos

Sarr - Deve ser emprestado ao Corunha ou Charlton

Capel - Se não for vendido, será emprestado. Fala-se nas ligas turca e grega

Heldon - Deve ser emprestado ao Cordoba

 

Entradas

Ewerton - Emprestado pelo Anzhi

 

Próximos passos

Defesa central - Se Sarr sair, Oliveira, Tobias e um Ewerton lesionado e sem ritmo precisam de "campanhia"

Extremo - Se Heldon e Capel saírem, só Carrillo sobra como extremo. Nani e Mané gostam mais do meio e fará falta um desiquilibrador

Ponta-de-lança - Faz falta um concorrente para Slimani. Hassan era bem vindo

 

Balanço

O Sporting livrou-se, bem, de Maurício e deve fazer o mesmo com jogadores que nada acrescentam como Heldon e Caple mas, para já, contratou pouco. Ewerton é bom mas chega sem ritmo. Será reforço de luxo, talvez, para o ano. Falta um patrão da defesa já que Tobias é muito verde. Falta um extremo desiquilibrador e um avançado matador. E o mercado está quase quase a fechar. Inteligentes os empréstimos. Gostava que Slavchev, Sacko e Dramé também jogasse na primeira divisão.

 

Botas de Diamante

26.01.15, Francisco Chaveiro Reis

 

unnamed.jpg

 

O futebol é algo importante para Neymar Jr., tal como a família. A relação próxima com a sua irmã, Rafaella, é simbolizada por um diamante tatuado no braço de cada um. Acima da tatuagem de Neymar Jr. está tatuada a palavra “sorella” (irmã) e Rafaella tem escrito “fratello” (irmão).

 

“A tatuagem do diamante foi feita com a minha irmã. Pensámos em fazer uma juntos porque os diamantes são raros e o sentimento que nos une também. Então, decidimos prestar homenagem um ao outro desta forma”, afirma Neymar Jr. “Um diamante é uma pedra preciosa que é simples mas bela. É também uma joia rara que se destaca e que chama a minha atenção, lembrando-me a minha relação com a Rafa”.

 

Neymar Jr. destaca-se da multidão, dentro e fora de campo. O desafio para a equipa de design da Nike foi o de assegurar que as suas botas se destacavam também. Neymar Jr. lançou as Hypervenom originais no Rio de Janeiro, em 2013. Agora, o jogador inicia o seu oitavo ano enquanto atleta Nike, estreando as Hypervenom Liquid Diamond.

 

A afinidade de Neymar Jr. com os diamantes ajudaram a inspirar a equipa criativa da Nike para desenhar uma colorway única. “Retirámos inspiração do jogo e da personalidade de Neymar Jr.”, afirma Max Blau, vice-presidente da Nike Football Footwear. “O Neymar ataca a defesa com um estilo tão fluído, fazendo-nos pensar em água a fluir entre rochas. Foi aí que começámos a transferir a nossa ideia de incorporar um conjunto de diamantes para criar uma ideia de diamante líquido para a parte superior”.

 

A camada NikeSkin das Hypervenom fornece uma tela texturada, evidenciando a dimensão da cor. Após experimentar uma grande variedade de diferentes tonalidades, as Hypervenom Liquid Diamond começaram a emergir, com apontamentos coloridos que são como que uma homenagem à personalidade de Neymar Jr.

 

“Acho que as botas vão sobressair por causa do seu feeling brilhante e energético. Parece-me que captaram a minha natureza audaz e alegre”, declara Neymar.

 

As Hypervenom Liquid Diamond estão disponíveis para pré-venda através da App Nike Football a 26 de janeiro e em Nike.com a partir de 28 de janeiro.

 

 

Imagens em alta resolução:

http://news.nike.com/news/liquid-diamond

Pág. 1/4