Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Visão do Peão

Desconfio

30.05.14, Francisco Chaveiro Reis

Rabia, central egipcio e Pektovic, defesa direito sérvio deverão tornar-se, nas próximas horas, reforços do Sporting. Mesmo tendo qualidade, desconfio da sua juventude. O que poderão dar a mais do que Tobias, Semedo ou Esgaio?

Equipas do Mundial - Grupo A

29.05.14, Francisco Chaveiro Reis

 Brasil - A equipa da casa é a grande favorita à vitória final. Tem jogadores de topo como Neymar, Hulk ou Óscar mas, sobretudo, tem o fator casa a seu favor. Jogará contra adversários interessantes mas acessíveis – Croácia, México e Camarões.

Na baliza, Júlio César, mesmo exilado no Canadá e a caminhar para o fim da carreira, oferece garantias. Alves, Marcelo, Silva e Luiz foram um quarteto de grande qualidade (três deles vão encontrar-se em Paris e formar com o suplente no Escrete, Maxwell o quarteto do PSG).

No meio, dois médios mais defensivos: Luiz Gustavo e Paulinho atrás de um trio devastador: Hulk, Óscar e Neymar. Na frente, Fred garante golos. Willian, Jô ou Ramires são garantia de qualidade no banco.

 

 

 

Croácia – Os primeiros dias de preparação estão a correr mal. Strinic e Kranjcar lesionaram-se e falham o Mundial. Ainda assim, jogadores de classe não faltam, a começar, claro por Modric.

Pletikosa garante as redes. Srna, experiente capitão, Corluka, Lovren e Pranjic fazem a defesa. No meio, Modric e Rakitic, melhores jogadores croatas fazem um duplo pivot que defende mas, sabe sair a atacar. Como no caso brasileiro, três homens atrás do nove: Kovacic, Perisic e, sem Ilicevic e Kranjcar, o terceiro homem é a grande dúvida. Pode entrar um avançado para fazer a ala como Rebic ou mesmo Olic ou Rakitic pode subir, entrando Vukojevic para o onze. Na frente, Mandzukic é o matador.

 

 

 

México – Com uma equipa jovem, prevejo que o México fique atrás de Brasil e Croácia, ficando-se pela primeira fase.

 

Ochoa é o guarda-redes. Na defesa, três homens: Marquez, Rodriguez e Salcido. Layun, Aguilar, Medina, Pena e Gio Dos Santos formam o meio-campo atrás de Uribe Peralta e Chicharito Hernandez. Os portistas Reyes e Herrera são opções secundárias.

 

 

 

Camarões – Com as fragilidades que se viram na sua recente visita aos Camarões e com a tradicional ingenuidade africana prevejo um trajeto curto dos Camarões no Brasil.

 

Itandje é o guarda-redes. Nyom e Ekotto devem fazer as alas defensivas. N´Koulou e Nonkeau são os centrais (de grande qualidade). Enoh, Maloun e Alex Song são o meio campo, ficando o ataque a cargo de Choup-Moting, Eto´o e Moukandjo.

 

 

Inzaghi treina Milan

27.05.14, Francisco Chaveiro Reis

 

 

Depois do falhanço de Seedorf, o Milan aposta em Inzaghi para treinador. É, como no caso do holandês, um erro. Ter sido um jogador de sucesso do clube por longos anos e ser adorado pelas bancadas não chega. Pippo não tem experiência e deveria começar por um projeto menos ambicioso. O Milan ficou numa péssima posição (falha a presença nas competições europeias) numa liga que cada vez perde mais prestígio.

 

Este é (seria?) um ano essencial para fazer renascer a maior equipa italiana dos últimos 30 anos. Quanto a mim, o Milan tem que mandar embora alguns "dinossauros" com salários principescos como Robinho, Kaká ou Essien; tem que se livrar de alguns jogadores de segunda linha como Birsa ou Constant e, ainda, apostar em jovens da casa como Petagna ou Mastour.

 

Mas, o Milan precisa de ir ao mercado e contratar mais valias. Nesse sentido lembro-me de jovens já com alguma experiência e muita qualidade que assentariam que nem uma luva como Shaquiri (Bayern), Pastore (PSG), Clasie (Feyennord) ou Alderwereild (Atlético).

 

Veremos.

Pág. 1/5